4 superaeronaves da Maks 2017

Maior salão russo do setor abriu na terça-feira (18) em Jukóvski, próximo a Moscou.

MiG-35

Um MiG-35 na MAKS 2015. / Foto: Vladímir Astapkovich/RIA NôvostiUm MiG-35 na MAKS 2015. / Foto: Vladímir Astapkovich/RIA Nôvosti

O maior destaque do salão neste ano é o novo avião MiG-35. O caça de múltiplas funções da geração 4++ vem para substituir o MiG-29 não só na Rússia, mas no mundo todo.

Neste ano, visitantes e especialistas do setor poderão conferir o novo avião no centro de exposições e avaliar suas habilidades.

A modificação do MiG-35S atinge velocidade de 2.700 km/h graças aos novos motores com empuxo vetorado. Diversas soluções técnicas também ajudarão a reduzir sua visibilidade nos radares de potenciais inimigos. 

O MiG-35 é um dos melhores aviões de combate no mundo, segundo o principal piloto de testes desse modelo, Mikhail Beliaev.

A aeronave será entregues às Forças Aéreas da Rússia nos próximos anos.

Mi-171SH-VN

Outro destaque que estreia no show é o helicóptero das Forças Aeroespaciais da Rússia Mi-171SH-VN.

A nova versão do helicóptero Mi-171 foi empregada nas operações russas na Síria. O Mi-171SH-VN foi adaptado para as condições climáticas mais áridas do Oriente Médio.

O helicóptero pode levar até 13,5 toneladas de carga e atingir velocidades de até 280 km/h.

A parte inferior da aeronave é coberta por blindagem Kevlar e ela é equipada com sistemas de armamento rádio-eletrônico modernos que podem neutralizar mísseis inimigos.

PAK FA

PAK FA / Vitáli Kuzmin (CC BY-SA)PAK FA / Vitáli Kuzmin (CC BY-SA)


Este caça estreou mundialmente no MAKS 2011 e, desde então, voa com motores do caça Su-34, de geração 4++.

Durante o Salão deste ano, porém, o fabricante mostrará a versão PAK FA com novo motor de quinta geração “Izdelie-30”, segundo o analista militar do jornal Izvêstia, Aleksêi Ramm.

Com o novo motor, a aeronave poderá atingir velocidade de cruzeiro supersônica.

Su-34

O Sukhôi Su-34, usado para atacar combatentes na Síria / Foto: Vadim Savitsky/Global Look PressO Sukhôi Su-34, usado para atacar combatentes na Síria / Foto: Vadim Savitsky/Global Look Press

O novo avião de múltiplas funções pode realizar manobras aéreas acrobáticas e atingir alvos equipados com armas de alta precisão.

No show aéreo, as Forças Aeroespaciais da Rússia mostrarão pela primeira vez um combate aéreo entre os dois Su-34 a baixa altitude.

"O Su-34 é uma aeronave fora do comum.  Externamente, ela é muito semelhante a um caça, mas, na realidade, é um bombardeiro que pode transportar até oito toneladas de bombas de alta precisão ou mísseis de cruzeiro", explica o analista militar Dmítri Safônov.

O avião pode voar sete mil quilômetros sem reabastecimento e alcançar alvos frontalmente, destruindo tudo o que estiver pelo caminho.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.