Baseado em fatos reais, “A História de um Homem de Verdade” é atração gratuita no YouTube

Aleksandr Stolper/Mosfilm, 1948
História de superação de piloto que perdeu as duas pernas ganhou, além de versões cinematográficas, um livro e uma ópera apresentada no Teatro Bolshoi.

Neste fim de semana, o projeto “Cinema Soviético e Russo em Casa” disponibiliza gratuitamente no canal do CPC-UMES no YouTube o longa “A História de um Homem de Verdade” (1948), do diretor Aleksandr Stolper.

No filme, um piloto caído atrás das linhas inimigas não se rende. Gravemente ferido, regressa às fileiras e, após um ano de trabalho para se adaptar às próteses nas duas pernas, volta a voar, completando 86 missões de combate. 

Assim como nas semanas anteriores, o filme estará disponível gratuitamente no no canal do CPC-UMES no YouTube de sexta-feira (12), às 19h00, até domingo (14), também às 19h00.

O projeto “Cinema Soviético e Russo em Casa” está em seu terceiro ano, com a exibição gratuita de um filme russo por semana. A realização é do Centro Popular de Cultura da União Municipal dos Estudantes Secundaristas de São Paulo (CPC-UMES), que distribui e comercializa no Brasil os filmes do Estúdio Mosfilm. Ao longo do primeiro semestre de 2022, estão sendo exibidos longas dos mais variados gêneros a partir de matrizes restauradas, incluindo clássicos de Bondartchuk e Tarkóvski.

Baseado em fatos reais

O longa de Aleksandr Stolper é baseado na história verídica de Aleksêi Maresiev, cujo avião de combate foi abatido em abril de 1942 na região de Novgorod. Ao longo de 18 dias, o piloto ferido teve que se arrastar de volta à URSS sozinho. Na época, os médicos conseguiram salvar sua vida, mas tiveram que amputar ambas as pernas. 

“Foi necessário amputar minhas pernas. Elas já estavam se despedaçando: quando, deitado na cama, tentei movê-las, começaram a ceder nas articulações”, recordou Aleksêi mais tarde. “Fui levado ao centro cirúrgico, o médico pegou uma tesoura esterilizada e diante dos meus olhos simplesmente cortou minhas pernas com a tesoura. Em alguns pontos, onde o tecido ainda estava um pouco vivo, foi doloroso, mas em geral não doeu”, continuou.

Maresiev recebeu então pernas protéticas, mas não perdeu a esperança de voltar a voar. Submetido a um treinamento extenuante com próteses, ele obteve o direito de mais uma vez sentar-se na cabine de um caça.

O nome de Maresiev, que recebeu o título de Herói da União Soviética, tornou-se amplamente conhecido em todo o país, graças à publicação de “Uma história sobre um verdadeiro homem”, do correspondente de guerra Borís Polevoi, que expunha as façanhas de Maresiev. Mais tarde, o livro não foi apenas adaptado para as telonas – o compositor Serguêi Prokofiev até escreveu uma ópera, que foi apresentada no Teatro Bolshoi.

Recentemente, a história de Maresiev foi recontada pelo cineasta britânico Christopher Nolan em ‘O Piloto: Uma Batalha pela Sobrevivência’ (2021).

LEIA TAMBÉM: As 10 melhores adaptações para as telas de clássicos da literatura russa

Caros leitores e leitoras,

Nosso site e nossas contas nas redes sociais estão sob ameaça de restrição ou banimento, devido às atuais circunstâncias. Portanto, para acompanhar o nosso conteúdo mais recente, basta fazer o seguinte:
Inscreva-se em nosso canal no Telegram t.me/russiabeyond_br

Assine a nossa newsletter semanal

Ative as notificações push, quando solicitado(a), em nosso site

Instale um provedor de VPN em seu computador e/ou smartphone para ter acesso ao nosso site, caso esteja bloqueado em seu país.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies