‘Nós somos do jazz’ é atração gratuita da semana no YouTube

Karen Shakhnazarov/Mosfilm, 1983
Exibição de longa no projeto “Cinema Soviético e Russo em Casa” celebra o aniversário do diretor Karen Shakhnazarov.

O projeto “Cinema Soviético e Russo em Casa” vai disponibilizar, neste fim de semana, o longa “Nós Somos do Jazz” (1983), do diretor Karen Shakhnazarov.

Nesta sexta-feira (08), o projeto “Cinema Soviético e Russo em Casa", dá continuidade às exibições gratuitas em seu nosso canal do Youtube

No filme, que se passa na década de 1920, um jovem morador de Odessa (atual Ucrânia) monta um conjunto de jazz, argumentando que se trata de um estilo musical que representa a “arte proletária” nos EUA, e não o capitalismo norte-americano. O grupo viaja pela URSS vivendo muitas aventuras em busca de sucesso.

O projeto “Cinema Soviético e Russo em Casa” está em seu terceiro ano, com a exibição gratuita de um filme russo por semana. A realização é do Centro Popular de Cultura da União Municipal dos Estudantes Secundaristas de São Paulo (CPC-UMES), que distribui e comercializa no Brasil os filmes do Estúdio Mosfilm. Ao longo do primeiro semestre de 2022, estão sendo exibidos longas dos mais variados gêneros a partir de matrizes restauradas, incluindo clássicos de Bondartchuk e Tarkóvski. 

As exibições de "Nós somos do jazz" estarão disponíveis de sexta, 08 de julho de 2022, às 19h, até domingo, 10 de julho. Para assistir, clique aqui!

LEIA TAMBÉM: Principal método de atuação em Hollywood foi inventado por…um russo

Caros leitores e leitoras,

Nosso site e nossas contas nas redes sociais estão sob ameaça de restrição ou banimento, devido às atuais circunstâncias. Portanto, para acompanhar o nosso conteúdo mais recente, basta fazer o seguinte:
Inscreva-se em nosso canal no Telegram t.me/russiabeyond_br

Assine a nossa newsletter semanal

Ative as notificações push, quando solicitado(a), em nosso site

Instale um provedor de VPN em seu computador e/ou smartphone para ter acesso ao nosso site, caso esteja bloqueado em seu país.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies