10 FOTOS atmosféricas da São Petersburgo de Dostoiévski

Valéri Degtiariov
Um dos fotógrafos vivos mais antigos da cidade capturou seus cantos mais secretos.

Nascido em 1937, Valéri Degtiarev trabalha com fotografia artística desde 1969. A “beleza premeditada” da antiga São Petersburgo, uma cidade construída com design preciso, sempre foi uma das maiores inspirações para o artista.

Suas lentes capturam os cantos remotos que ele descobriu enquanto vagava pelo labirinto de pátios de São Petersburgo. Mesmo quem conhece bem a cidade, fica surpreso com sua transformação quando vista através dos olhos refratários do fotógrafo.

Além disso, sua mostra “Cidade Premeditada”, uma seleção de fotos de diferentes anos, evoca um clima sombrio e atmosférico – assim como o universo retratado por Dostoiévski. 

Titanic, 2005

Vórtice, 1999

Mundo Invertido, 2000

Para a Luz, 2002

Apocalipse, 2007

Ligação dos Tempos, 2008

Preto e Branco, 2008

Ritmo, 2008

O Pombo, 2000

Vida Cotidiana, 2002

A exposição “Cidade Premeditada” será inaugurada no museu e centro de exposições ROSPHOTO, em São Petersburgo, no próximo sábado (20).

LEIA TAMBÉM; Por que Dostoiévski é odiado por alguns de seus conterrâneos?

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies