Além das tradicionais, matriochkas invadem universo pop

Atualmente, a fabricação das famosas bonecas russas de madeira conhecidas como matriochkas vão muito além das imagens tradicionais de meninas em trajes nacionais e líderes mundiais. Turistas na Rússia já podem encontrar versões dedicadas a várias personalidades da cultura pop, desde Pennywise e Batman a Marilyn Manson.

Já pensou que fãs de heavy metal teriam bonecas matriochka para chamar de suas? Pois os membros do Slipknot ganharam uma coleção própria, apresentada à banda em um show em Moscou em 2016. Cada uma delas representa um integrante.

Essas matriochkas, por sua vez, retratam fases distintas da vida de Marilyn Manson (embora apenas fãs de verdade consigam detectar a diferença entre esses períodos).

Personagens de desenhos famosos, como Simpsons, também são comuns hoje nas banquinhas de matriochkas – e vão desde Homer grande à pequenina Maggie.

Thor, Homem de Ferro, Capitão América e outros heróis são ótima pedida para os fissurados pelos ‘Vingadores’. O mais inusitado, contudo, é o fato de o monstruoso Huck ser retratado justamente na boneca de menor tamanho.

Outro desenho animado (porém, nada infantil) que ganhou várias versões entre as matriochkas é o norte-americano South Park.

Até mesmo as criaturas mais malignas de famosos filmes de terror têm aventado a criatividade dos fabricantes e pintores das bonecas russas.

Com milhões de fãs ao redor do mundo, a franquia de ‘Star Wars’ também não poderia estar de fora das novas tendências entre as matriochkas.

Os cavaleiros Jedi estão entre os mais populares desse segmento.

Falando em fama, não poderia faltar Pennywise, o palhaço do mal que conquistou as bilheterias neste ano com ‘It’, filme baseado na obra Stephen King. Resta esperar se o sucesso se repetirá nas vendas das bonecas.

E, enquanto todos aguardam o filme da Liga da Justiça, cuja estreia no Brasil está agendada para 16 de novembro, já é possível curtir em casa os personagens favoritos, como Mulher-Maravilha, Batman, The Flash e, é claro, Super-homem.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies