Caças espanhóis interceptam aviões russos no Báltico; veja fotos e vídeo

País ibérico assumiu recentemente liderança de missões da Otan na região.

No último dia 1º de maio, a Força Aérea Espanhola assumiu a responsabilidade de patrulhar o espaço aéreo do Báltico, conforme mandato da Otan. Com isso, os espanhóis estão no comando da missão de Policiamento Aéreo do Báltico, juntamente com aeronaves da Força Aérea Real (RAF) britânica.

Desde então, os F-18 do destacamento espanhol na Lituânia, Vilkas, realizaram cerca de meia dúzia de interceptações.

De acordo com o site da Força Aérea Espanhola, “quando é detectada uma aeronave que, sem ser autorizada, tenta entrar no espaço aéreo dos países do Báltico, o Centro de Operações Aéreas Combinadas em Uedem (Alemanha) recebe ordens para decolagem imediata de aeronaves interceptoras – ação conhecida como ‘scramble’.

No vídeo abaixo, é possível ver um dos aviões espanhóis baseados na Lituânia:

O portal de Defesa da Espanha publicou uma série de imagens aéreas em 3 de junho.                                                     

F-18M escoltando avião de carga Antonov An-26

As missões de patrulha da Otan no Báltico começaram em 2004, e a Espanha participa das operações desde 2006. Os combatentes espanhóis irão liderar a missão até 31 de agosto. Sua base principal é a de Sialuai (Lituânia).

No país báltico, a Espanha compartilha a base com caças Eurofighter Typhoon, da RAF, e também conta com o apoio dos Mirage 2000, da França.

Tupolev Tu-134AK, da Frota Aérea do Norte da Rússia

De acordo com a Rússia, o início dessas patrulhas aéreas da Otan quando não havia ameaças militares na região foi um dos primeiros passos da Aliança em uma escalada militar perto das fronteiras russas, destaca a agência TASS.

LEIA TAMBÉM: Tudo sobre o PAK DA, bombardeiro furtivo de sexta geração

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.
Leia mais

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies