Tecnologia de detecção facial russa vence concurso de inteligência nos EUA

FindFace já foi integrado ao arsenal da inteligência russa

FindFace já foi integrado ao arsenal da inteligência russa

Getty Images
Por meio de uma única fotografia, programa identifica indivíduo em meio a um bilhão de pessoas – e no tempo recorde de apenas meio segundo.

A empresa russa de detecção facial NtechLab venceu duas das três indicações em um concurso organizado pela Atividade de Projetos de Pesquisa Avançada em Inteligência (IARPA), um órgão do gabinete do Diretor de Inteligência dos EUA.

O programa, que surpreendeu o júri, emprega um algoritmo que permite encontrar uma pessoa específica em uma base de dados com um 1 bilhão de indivíduos, usando apenas uma fotografia – um processo que leva menos de meio segundo.

Graças à repercussão do projeto, a empresa de tecnologia russa abocanhou o primeiro lugar nas categorias Velocidade de Identificação e Precisão de Verificação.

A NtechLab foi fundada em 2015 pelos russos Artiom Kukharenko, graduado pela Universidade Estatal de Moscou, e pelo empresário Aleksandr Kabakov. Sua tecnologia de detecção facial já foi integrada ao arsenal dos serviços especiais russos: o algoritmo FindFace começou a ser implantado pelo órgão na metade deste ano.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.

Leia mais