Kaspersky Lab lança antivírus gratuito

Proteção antivírus para arquivos, e-mails e rede, bem como atualizações automática, são opções de versão grátis

Proteção antivírus para arquivos, e-mails e rede, bem como atualizações automática, são opções de versão grátis

AP
Novo programa ‘Kaspersky Free’ já está disponível nos EUA, Canadá e alguns países da Ásia-Pacífico, e chegará à América Latina em setembro.

A fabricante de antivírus Kaspersky Lab, com sede em Moscou, lançou na última terça (25) um software novo e gratuito para celebrar o 20º aniversário da empresa.

O programa se baseia nas mesmas tecnologias que a versão paga e oferece vários (mas nem todos os mesmos) serviços: proteção antivírus para arquivos, e-mails e rede, atualizações automáticas e quarentena para arquivos sinalizados.

Em outras palavras, isso é tudo o que você precisa para navegar seguramente na internet com segurança, segundo a empresa.

“Há muitos internautas que não têm cerca de US$ 50 para gastar com proteção premium; por isso, eles instalam esses tradicionais brindes (que têm mais buracos do que um queijo suíço para o malware) ou até mesmo dependem do Windows Defender (meu Deus!)”, escreveu o CEO da desenvolvedora russa, Evguêni Kaspersky.

Além disso, o novo produto da Kaspersky “não vem com todos os absurdos habituais, como um monte de publicidade, rastreamento de atividade do usuário e infrações de confidencialidade – com os quais os antivírus costumam sofrer para que sejam financeiramente vantajosos para seus fabricantes”, acrescentou o CEO.

A versão piloto do produto foi testada com sucesso por um ano na região russo-ucraniana-bielorrussa, China, Noruega, Suécia, Finlândia e outros países nórdicos. A expectativa é o “Kaspersky Free” fique disponível para Índia, Hong Kong, Oriente Médio, África, Turquia e América Latina em setembro. Europa, Japão e Coreia do Sul terão acesso ao software em outubro, e Vietnã e Tailândia, em novembro.

Leia outras matérias da Gazeta Russa:

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.