Soyuz-U faz lançamento final antes de ser aposentado; assista

Após lançamento bem-sucedido, foguete colocou cargueiro Progress MS-05 em órbita. Veículo segue à ISS (da sigla em inglês, Estação Espacial Internacional) com 2,5 toneladas de suprimentos.

 

O foguete lançador Soyuz-U fez seu último lançamento nesta quarta-feira (22), a partir do cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão. Veículo colocou em órbita o cargueiro espacial Progress MS-05.

Em nota à imprensa, a agência espacial russa Roscosmos se referiu ao Soyuz-U como um dos maiores e mais confiáveis foguetes da lendária família Soyuz.

O ponto de partida do foguete foi simbólico: a Plataforma Gagárin, de onde, em 12 de abril de 1961, a nave espacial Vostok embarcou no primeiro vôo espacial tripulado do mundo, com o cosmonauta Iúri Gagárin a bordo.

Mais de 2 toneladas de carga

De acordo com o Centro de Controle de Voos Espaciais da Rússia, a separação do veículo e do cargueiro aconteceu no horário previsto, e a previsão é que o último se acople à ISS no dia 24 de fevereiro, por volta das 8h34 (GMT).

O cargueiro espacial Progress MS-05 entregará cerca de 2,5 toneladas de carga para a Estação Espacial Internacional, incluindo combustível, equipamentos para experimentos científicos, suprimentos médicos e recipientes com comida e água, além de encomendas para a tripulação da ISS.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.