À frente do Google, plataforma russa integra mercado de realidade virtual

Plataforma cria banco de apps e jogos para uso em óculos de realidade virtual

Plataforma cria banco de apps e jogos para uso em óculos de realidade virtual

Press Photo
Nova plataforma Fibrum, de fabricação russa, reunirá jogadores, bem como desenvolvedores de jogos e óculos de realidade virtual.

No início de agosto, a startup russa Fibrum irá lançar uma nova plataforma de realidade virtual homônima que integra jogadores, designers de jogos e desenvolvedores de óculos de realidade virtual em todo o mundo. O serviço estará disponível tanto em inglês como em russo.

Segundo Iaroslav Sivokhin, diretor-executivo e sócio da Fibrum, a plataforma “resolverá o problema da falta de um produto abrangente de head-mounted displays [HMD, dispositivo de vídeo usado na cabeça como capacete e com fones de ouvido, no qual o usuário experimenta uma realidade virtual] de vários fabricantes”.

Em vez de buscarem os aplicativos e jogos forma independente, os usuários serão capazes de encontra-los para os seus óculos e fones de ouvido de realidade virtual na própria plataforma Fibrum, sendo redirecionados para, por exemplo, o Google Play ou a App Store, se quiserem baixar o serviço.

Para fazer o download de jogos, os usuários terão que fazer um cadastro e ativar o código recebido após a compra de um óculos de realidade virtual. O registo obrigatório irá ajudar os desenvolvedores a obter informações adicionais sobre os usuários e adaptar os aplicativos às suas necessidades.

A Fibrum também planeja entrar no mercado internacional e está em negociações com desenvolvedores da Coreia do Sul e França. Até hoje, a empresa já lançou 27 aplicativos móveis de vários formatos, e há 50 novos projetos sendo desenvolvidos pela Fibrum e parceiros.

Daydreams do Google

O Google anunciou recentemente que planeja lançar no segundo semestre uma plataforma semelhante, chamada Google Daydream. A principal diferença entre a Fibrum e a Google Daydream, que pode ser usada somente com um HMD Google ou Google Cardboard, é o fato de o primeiro ser adequado para todos os dispositivos. 

Além disso, os aplicativos da Fibrum são apropriados para todos os modelos de smartphones, enquanto o Google possui parâmetros técnicos mais rígidos.

Os criadores da plataforma russa preveem, porém, que, apesar da concorrência, a entrada do Google no mercado irá impulsionar o setor. “Esta será uma grande vantagem para todos os desenvolvedores de HMD e de aplicativos”, diz Sivokhin.

Gostaria de receber as principais notícias sobre a Rússia no seu e-mail?   
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.