App russo permite transformar fotos em uma tela de Kandinsky

RBTH
Com foco no Instagram, serviço para iOS redesenha fotos no estilo de artistas famosos.


Desde que foi lançado no último dia 11, o aplicativo russo Prisma foi usado em mais de 200 mil fotografias postadas no Instagram com a hashtag #prisma.


Ao contrário de outros apps de edição de foto no mercado, o Prisma não utiliza filtros, mas ‘desenha” a fotografia em vários estilos do zero com a ajuda de redes neurais.


Na edição é possível transformar uma selfie comum em uma pintura de Vassíli Kandínski e Mark Chagall, ou em um retrato de super-herói da Marvel Comics.


Para que o app funcione, porém, o usuário precisar estar conectado à internet. O processamento da imagem, feito nos servidores do Prisma, é gratuito, mas, por enquanto, está disponível apenas para usuários do sistema iOS.


Segundo o diretor-geral da Prisma Labs, Aleksêi Moiseenkov, uma equipe de quatro pessoas vinha trabalhando no projeto havia dois meses. “A velocidade [para processar a fotografia)] foi obtido usando vários truques matemáticos no modelo de rede neural”, explica Moiseenkov.


O projeto tentar repetir o sucesso do bielorrusso MSQRD, app para Instagram que permite usuários cobrir seu rosto com máscaras de monstros, animais e celebridades, e foi adquirido pelo Facebook em março de 2016. O valor da transação não foi divulgado, mas, segundo estimativa de analistas, teria movimentado “vários milhões de dólares”. 

Gostaria de receber as principais notícias sobre a Rússia no seu e-mail?   
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.