Maks abre com Pútin e machado voador

Pútin brinca com estudantes: "Vocês podiam criar também um ferro de passar voador".

Pútin brinca com estudantes: "Vocês podiam criar também um ferro de passar voador".

AP
Invenção esteve entre as criações improváveis que estudantes mostraram ao presidente russo, como uma pasta de dentes especial para voos espaciais e um relógio de pulso de comando à prova d'água do tamanho de uma panela de cozinha.

A 12° edição do Salão Aeroespacial Internacional Maks-2015 foi inaugurada nesta terça-feira (25), na cidade de Jukóvski, nos arredores de Moscou, com a presença do presidente russo Vladímir Pútin.

Entre discursos e fotos, o líder russo visitou o setor da exposição "Ot vinta", onde jovens estudantes de engenharia - entre eles, universitários do Brics - e inventores a partir dos cinco anos de idade expõem seus trabalhos.

Lá, Pútin foi apresentado a criações inusitadas: ganhou a primeira pasta de dentes especial para voos espaciais, um relógio de pulso de comando à prova d'água - e do tamanho de uma panela de cozinha -, e ainda pode observar um equipamento de limpeza para uso em órbitas terrestres.

Mas a invenção mais improvável a que o presidente teve acesso foi um enorme "machado voador", com um metro e meio de comprimento e peso de apenas 200 gramas.

"Vocês podiam criar também um ferro de passar voador", brincou Pútin, enquanto segurava o invento.

O presidente russo visitou o pavilhão acompanhado do príncipe de Abu-Dabi Muhammed Al Nahyan, do vice-premiê Dmítri Rogózin, do líder tchetcheno Ramzan Kadirov e do ministro da Produção e do Comércio, Denis Manturov.

O salão dura até o dia 30 de agosto.

Com informações da TV NTV e da rádio Ekho Moskvi.

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.