Rússia anuncia novas vendas de sistemas de defesa antiaérea para Brasil

Memorando de parceria foi fechado com a Odebrecht. Foto: Assessoria de Imprensa Rosoboronexport

Memorando de parceria foi fechado com a Odebrecht. Foto: Assessoria de Imprensa Rosoboronexport

Agência de exportação de armamentos negocia venda de tecnologia ao país latino-americano, segundo chefe de delegação em Lima

A agência russa de exportação de armamentos Rosoboronexport está negociando com o Brasil a venda de tecnologias de defesa antiaérea, segundo anunciou Serguêi Ladíguin, chefe da delegação em exposição do setor em Lima, no Peru.

"Fechamos um memorando de parceria técnica com o consórcio Odebrecht Defesa e Tecnologia, do qual faz parte a companhia Mectron. Agora, estamos conduzindo negociações acerca de alguns projetos que preveem a transmissão de tecnologia, inclusive no ramo de sistemas de defesa antiaérea", disse Ladíguin à agência Ria Nôvosti.

Ele ressaltou que as conversações da Rosoboronexport sobre helicópteros são feitas com outras companhias brasileiras.

"No que diz respeito à Embraer, estamos abertos a parcerias com essa companhia, caso surja interesse mútuo", disse ainda Ladíguin.

Anteriormente, ele anunciou que a Rosoboronexport conduz uma política lógica de fortalecimento de posição nos países da América Latina.

"Nossos concorrentes ocidentais têm uma posição muito forte aqui, por isso o processo é complicado. Mas a tendência de aproximação na esfera da defesa é evidente", disse.

 

Publicado originalmente pelo jornal Vzgliad

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.