Cientistas de São Petersburgo projetam observatório lunar

Expectativa é que observatório já esteja em pleno funcionamento no início da próxima década Foto: NASA

Expectativa é que observatório já esteja em pleno funcionamento no início da próxima década Foto: NASA

Cientistas de São Petersburgo pretendem criar um observatório na Lua que ajudará no estudo do clima da Terra, bem como na prevenção e identificação dos padrões de mudança climática global.

De acordo com um dos cientistas envolvidos na iniciativa, Khabibullo Abdusamatov, o projeto “Observatório Lunar” prevê a criação do primeiro observatório astronômico estacionário sobre a superfície da Lua, com a instalação de dois telescópios ópticos perto do Equador.

“Antes de tudo, isso é necessário para obter dados mais confiáveis e estudar a radiação solar recebida e consumida, e, com base nisso, estabelecer as causas físicas das mudanças climáticas, assim como para monitorar o estado de toda a superfície, nuvens, vegetações, aerossóis, ozônio – isto é, a análise da Terra a partir da superfície da Lua”, explica Abdusamatov.

A expectativa é que o observatório já esteja em pleno funcionamento no início da próxima década.

 

Publicado originalmente pela Voz da Rússia

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.