Transmissão materno-infantil de HIV despenca no país

Atualmente, 85% das mulheres com HIV grávidas na Rússia recebem terapia de prevenção à Aids Foto: Kommersant

Atualmente, 85% das mulheres com HIV grávidas na Rússia recebem terapia de prevenção à Aids Foto: Kommersant

Casos de transmissão vertical (mãe para filho) de HIV diagnosticados recentemente na Rússia são raros, o que indica que essa forma de transmissão do vírus praticamente cessou no país, informou a ministra da Saúde, Veronika Skvortsova, em uma mesa redonda na Câmara Pública da Rússia.

“Praticamente cessou a transmissão vertical de HIV no país”, disse ela, acrescentando que 99% de todas as crianças recém-nascidas e 85% das mulheres grávidas com HIV na Rússia passam por terapia de prevenção à Aids.

A ministra salientou que a idade das pessoas infectados pelo HIV vem mudando, e quase não há nenhuma criança portadora do vírus no país.

 

Publicado originalmente pela agência Tass

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.