Empresa russa desenvolve sistema de segurança para cidades da América Latina

Foto: serviço de imprensa

Foto: serviço de imprensa

A estatal Rosoboronexport prepara proposta a governos latino-americanos; experiência pode ser usada também durante Olimpíadas do Rio

A empresa estatal Rosoboronexport (empresa estatal russa responsável pelas vendas de equipamento militar ao exterior) está trabalhando em uma proposta de sistema de segurança para a América Latina, informou o serviço de impresa do Ministério da Defesa russo. Batizado de Cidade Segura, o sistema integra monitoramento, comando e controle de operações em tempo real, e visa melhorar a eficiência dos serviços de segurança, fornecendo informações necessárias para que se localize e elimine uma grande variedade de ameaças.

“Estamos preparando propostas à América Latina de estabelecimento de programas de segurança nos principais órgãos administrativos, nas cidades, fronteiras e outros locais de importância estratégica. O componente-chave do conceito proposto aos parceiros latino-americanos é o sistema denominado Cidade Segura”, anunciou a empresa de segurança russa.

A Rússia tem a experiência e os equipamentos necessários para a implantação eficaz de sistemas de segurança, como pôde ser percebido durante os Jogos Olímpicos de Inverno em Sochi, no início de 2014, e a Rosoboronexport acredita que essa experiência pode ser compartilhada pelo Brasil na preparação para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016.

A empresa também oferece armamentos e outros equipamentos destinados às polícias e órgãos de segurança, empregados em missões de busca e apreensão, investigação e segurança de eventos de massa.

 

Publicado originalmente no site da RIA Novosti

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.