Aplicativo ajuda na segurança ao volante

O aplicativo foi lançado na Rússia em agosto de 2013 Foto: Press Photo

O aplicativo foi lançado na Rússia em agosto de 2013 Foto: Press Photo

Russos desenvolveram o aplicativo Hudway, que projeta informações no para-brisa dos automóveis, melhorando a segurança da condução em condições de pouca visibilidade.

Projetistas russos vencedores do concurso Startup Rating 2014 criaram um aplicativo para smartphones denominado Hudway, que permite a projeção de informações de navegação no para-brisa dos automóveis, proporcionando uma condução mais segura em situações de baixa visibilidade.

O nome do projeto provém da abreviação HUD (head-up display), relacionada a uma classe de aparelhos desenvolvidos primordialmente para aeronaves militares. O HUD serve para manter a atenção do piloto somente para o voo, projetando informações vitais em uma tela de cristal líquido em frente à sua cabeça, evitando que ele concentre seu foco nos diversos painéis individuais dentro da cabine.

O aplicativo russo foi projetado para funcionar tanto em iOs e Android e seu funcionamento não requer instalação de nenhum equipamento adicional. A imagem é projetada a partir da tela do smartphone diretamente no vidro do para-brisa do automóvel.  No entanto, talvez seja necessário um adaptador de fixação do aparelho ao painel –caso contrário, na primeira derrapagem o telefone sairá voando dentro do carro.

No entanto, há uma contraindicação do uso do aplicativo durante o dia, tendo em vista que a luz solar pode ofuscar as informações projetadas no painel. O Hudway é melhor utilizado durante a noite e em condições de chuva, nevoeiro ou neve pesada. Na verdade, ele foi desenvolvido justamente para estas condições.

O aplicativo foi lançado na Rússia em agosto de 2013 e sua estreia internacional ocorreu em outubro do mesmo ano e já conta com versões em inglês, alemão, polonês e chinês.

Navegador eletrônico

Ao relatar sobre a história do projeto, o seu co-fundador e CEO, Ivan Klabukov, relembra que se envolveu no desenvolvimento da startup juntamente com seu primo há três anos, depois que começou a praticar rally profissional.

“Imagine você em uma floresta durante a noite a uma velocidade de 100 km/h a 150 km/h sem saber que logo à frente há uma rampa e uma poça d’água. Um erro e seu carro estará destruído. Para isso é necessário um navegador confiável”, explicou Klabukov. Depois destas constatações, os primos decidiram criar o Hudway.

A ideia final do projeto se resume no formato de um aplicativo móvel que projeta no para-brisa do veículo uma rota em modo 3D. O motorista vê todas as curvas da rota pré-planejada e as mudanças de velocidade. Também há o auxílio sonoro de uma voz que avisa antecipadamente quais os próximos checkpoints. O mais interessante é que o aplicativo é capaz de dialogar com o motorista. Ou seja, ele é capaz de receber comandos por voz a respeito das mudanças de rota que deve seguir.
  
Segurança

Até o momento, o aplicativo já foi instalado por 500 mil pessoas. A maioria utiliza a versão para iOS. Apenas 50 mil usuários preferem a versão Android, que ainda está na versão beta, lançada em fevereiro deste ano. Deve-se notar, porém, que o Hudway não é um sistema completo de navegação, mas uma ferramenta auxiliar para aumentar a visibilidade da condução em condições críticas.

De acordo com Klabukov, o projeto é totalmente privado, tanto em termos de financiamento quanto de trabalho. Sua equipe já desembolsou cerca de US$ 100 mil no desenvolvimento do produto. Os esforços de markenting ainda são esperados para a segunda metade de 2014, depois do lançamento da versão atualizada e modificada com assistência por voz.

A instalação do aplicativo é gratuita, mas a versão livre de anúncios custa US$ 1. A versão pro, que inclui comandos por voz e personalização da aparência das informações exibidas, custa US$ 1 mais.

A empresa espera atingir o nível de 2 milhões de unidades vendidas até o final de 2014.  

 Concorrência

Apesar de haver uma alta probabilidade de que, em poucos anos, sistemas tais como o Hudway se tornem equipamentos de série no ramo automotivo, a equipe do projeto não desanimou.

“Em cinco anos, somente os carros mais sofisticados serão equipados com tais sistemas. Os proprietários de modelos mais simples querem também ter esta experiência por um preço módico. E nós lhe daremos esta oportunidade. Ou seja, nosso aplicativo irá aquecer o mercado”, acredita Klabukov.

Especialistas acreditam da mesma forma nas chances de sucesso do projeto. “A ideia não é nova, mas é muito interessante. É provável, portanto, que exista demanda. Eu já testei outros aplicativos similares, como os que projetam o velocímetro, e gostei muito”, relata Aleksêi Shevelev, gerente de projetos da empresa Tematicheski Media.

“Qualquer aplicativo que ajude a melhorar a segurança rodoviária é sempre bem-vinda e deve ser analisada com atenção pelos motoristas”, afirmou Aleksêi Starodimov, especialista em aplicativos eletrônicos e editor do site dgl.ru.

Segundo ele, a conveniência deste aplicativo deve ser definida após testes com telefones de diferentes tamanhos e da posição em que o smarphone ficará no painel, afetando a projeção.

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.