Governo analisa projetos para três porta-aviões

Os equipamentos terão propulsão nuclear, declarou no sábado o vice-ministro da Defesa Foto: RIA Nóvosti

Os equipamentos terão propulsão nuclear, declarou no sábado o vice-ministro da Defesa Foto: RIA Nóvosti

O Ministério da Defesa está analisando três projetos para “porta-aviões do futuro” com propulsão nuclear, declarou no sábado o vice-ministro da Defesa da Rússia, Iúri Borissov.

O gabinete de projetos Névski já havia declarado que a Rússia precisava construir pelo menos quatro porta-aviões: dois para a Frota do Pacífico e dois para a Frota do Norte.

“No programa em vigor nós não temos planejada a construção de porta-aviões, mas no futuro isso será possível. Nós temos três projetos para a sua construção”, disse Borissov. Ele explicou também que se tratam de porta-aviões de propulsão nuclear.

Na opinião de Borissov, o programa de substituição de importações, que a Rússia foi obrigada a introduzir devido à situação na Ucrânia, irá apenas favorecer o gabinete de projetos russo.

Antes, o presidente russo, Vladímir Pútin, tinha declarado que a questão da substituição de importações na área de defesa é “um processo correto”, apesar dos gastos adicionais.

“Nós temos de rever todas as posições. Esse é um esforço suplementar, mas numa perspectiva de longo prazo será positivo para a indústria de defesa russa”, disse Borisov.

 

Publicado originalmente pela Voz da Rússia

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.

Mais reportagens e vídeos interessantes na nossa página no Facebook.

Este site utiliza cookies. Clique aqui para saber mais.

Aceitar cookies