Metrô de Moscou terá dispositivos de leitura de dados de celulares

Dispositivo poderá acompanhar qualquer aparelho telefônico que passar a um raio de 5 metros do dispositivo Foto: Dmítri Berdassov

Dispositivo poderá acompanhar qualquer aparelho telefônico que passar a um raio de 5 metros do dispositivo Foto: Dmítri Berdassov

Sistema poderá rastrear telefones roubados e acionar policial de plantão.

Em breve o metrô de Moscou será equipado com dispositivos de leitura de dados dos telefones celulares de passageiros. Esses dispositivos farão parte do sistema de segurança intelectual, que já está sendo instalado na rede metroviária da capital, informou Andrei Mokhov, chefe de polícia do metrô de Moscou ao jornal Izvéstia.

De acordo com Mokhov, a principal função desse sistema é rastrear telefones roubados. Especialistas dizem, contudo, que seu uso pode ser muito mais ampla, rastreando todos os passageiros, sem exceção.

"O sistema vai funcionar do seguinte modo: quando o passageiro entra na zona de cobertura de tal dispositivo (o seu raio é de cerca de cinco metros), o sistema irá registar o chip com um determinado número. Se esse chip estiver na lista de cartões roubados, o sistema irá automaticamente acompanhar seu movimento e transmitir informações a um policial de plantão", explicou Mokhov.

 

Publicado originalmente pela agência ITAR-TASS

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.