Frota do Norte russa explora novas áreas de navegação no Ártico

Forças navais de superfície da frota estão no Ártico desde meados de 2012 Foto: mil.ru

Forças navais de superfície da frota estão no Ártico desde meados de 2012 Foto: mil.ru

Campanha vai marcar o 100º aniversário da expedição ao Polo Norte do notável explorador russo Geórgui Sedov.

A Frota do Norte da Rússia vai continuar a explorar novas áreas de navegação no Ártico, declarou o comandante da frota Vladímir Korolev disse a jornalistas na última sexta-feira (26). "Muito em breve, pretendemos enviar um destacamento de navios de combate da frota liderada pelo cruzador de propulsão nuclear 'Pedro, o Grande' a regiões orientais do Oceano Ártico."

"Outro esquadrão de navios da Frota do Norte vai para as ilhas de Franz Josef Terra", disse o almirante. "A campanha vai marcar o 100º aniversário da expedição ao Polo Norte do notável explorador russo Geórgui Sedov".

O porta-voz da Frota do Norte, Vadim Sergá, disse à agência Itar-Tass que as forças navais de superfície da frota estão no Ártico desde meados de 2012.

"Naquela época, havia mais de dez navios de guerra da frota nos mares de Barents e de Kara, enquanto o 'Pedro, o Grande', juntamente com grandes navios de desembarque, realizou pela primeira vez na Marinha russa uma campanha para o arquipélago de Novosibirsk", disse Sergá.

 

Publicado originalmente pela agência ITAR-TASS

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.