Brasil atuará no Brics apesar da crise política, diz diplomata

Próximo encontro entre líderes do Brics acontecerá em Goa, na Índia, em outubro

Próximo encontro entre líderes do Brics acontecerá em Goa, na Índia, em outubro

Panthermedia/Vostock-photo
Segundo oficial da Embaixada do Brasil nos EUA, países do grupo se beneficiam de colaboração multilateral e compartilham de missões semelhantes.

O chefe do departamento de investimento e comércio da Embaixada do Brasil nos Estados Unidos, Ricardo Hirshbruch, declarou que a crise política brasileira não afetará a colaboração do país com os outros membros do Brics, grupo formado também pela Rússia, Índia, China e África do Sul.

“Não acho que a crise política afetará as relações com outros países do grupo. Trata-se de uma cooperação extremamente importante para o Brasil, todos estão se desenvolvendo graças a essa colaboração”, declarou.

Além disso, segundo o diplomata, os países-membros do Brics têm missões semelhantes. “Por exemplo, a Rússia e o Brasil precisam diversificar as economias, ambos os países precisam realizar essas reformas”, completou Hirshbruch.

Publicado originalmente pela agência Ria Nôvosti

Gostaria de receber as principais notícias sobre a Rússia no seu e-mail? 
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.