Rússia quer gerar energia em pequena escala com Banco do Brics

Banco irá conceder empréstimos em moedas nacionais.

Banco irá conceder empréstimos em moedas nacionais.

Reuters
País apresentou projeto ao banco do grupo para obter financiamento.

A Rússia apresentou seu primeiro projeto de investimento de geração de energia em pequena escala ao Novo Banco de Desenvolvimento do Brics, disse o ministro das Finanças russo, Anton Siluanov, na sexta-feira (26).

Presidente do Conselho de Administração do Banco do Brics, Siluanov fez a declaração após a reunião dos administradores da instituição.

"O projeto é para o desenvolvimento da geração de energia em pequena escala na Carélia [região setentrional russa, na fronteira com a Finlândia]. A geração de energia hidrelétrica possibilitará a autossuficiência de nossas cidades, aldeias e indústria com energia", disse Siluanov.

Todos os Estados-membros já apresentaram seus projetos e o Banco do Brics deve começar a financiá-los ainda neste ano, segundo ele.

"Falamos sobre fontes de financiamento no encontro e concordamos que os empréstimos em moedas nacionais serão usados para financiar projetos de investimentos e também haverá empréstimos em mercados de capital internacional", disse o russo.

O acordo de criação do Novo Banco de Desenvolvimento do Brics foi assinado na cúpula realizada no Brasil em julho de 2014. A instituição financiará projetos de infraestrutura e para manutenção da estabilidade em países do Brics e outros em desenvolvimento. O volume permitido de capital do banco é de 100 bilhões de dólares. Sua sede fica em Xangai.

Com material da agência Tass.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.