Fernando deixa Itália para ser meia do Spartak

Meio-campo brasileiro começou a carreira no Grêmio e transferiu-se para o russo do Sampdoria

Meio-campo brasileiro começou a carreira no Grêmio e transferiu-se para o russo do Sampdoria

Legion-Media
Transferência do ex-Grêmio e ex-Sampdoria custou 12 milhões de euros.

O clube moscovita Spartak anunciou nesta segunda-feira (18) que meio-campo brasileiro Fernando Lucas Martins, que começou a carreira em 2009 no Grêmio, foi transferido do italiano Sampdoria.

De acordo com a imprensa italiana, o clube moscovita pagou 12 milhões de euros pelo jogador. Seu contrato deve durar até 2021.

O meio-campo é a terceira aquisição do Spartak neste período pós-temporada. Anteriormente, o clube adquiriu os passes do também meio-campo Roman Zobnin e do zagueiro Andrêi Eschenko, ambos do moscovita Dinamo.

"Sei que o Spartak é um grande clube europeu. E isso é o suficiente para que minha motivação nos treinos e nos jogos seja mais que séria. É um passo muito importante na minha carreira e na vida da minha família. Claro, minha mulher deu sua opinião sobre nossa mudança para a Rússia. Mas a resolução final, como sempre, nós tomamos juntos", disse Fernando.

Na temporada anterior, Fernando esteve continuamente na seleção do Sampdoria, quando participou de 35 jogos e marcou 4 gols.

Até entrar no Sampdoria, Fernando jogou pelo Shakhtar, de Donetsk, Ucrânia, que recebeu sua transferência do Grêmio. Pelo Shakhtior, venceu o campeonato ucraniano e o a Super Copa.

Com material do jornal econômico RBC.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail? Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.