Veja dicas de como escolher o presente ideal de Natal

O Natal na Rússia é comemorado no dia 7 de janeiro Foto: Shutterstock

O Natal na Rússia é comemorado no dia 7 de janeiro Foto: Shutterstock

Champanhe e uma caixa de bombons para os adultos, um pacote com doces para as crianças, esse é um conjunto básico para o presente de Natal dos russos, comemorado no dia 7 de janeiro.

Não se sabe o que prevalece no Natal, a alegria de se receber presentes ou a dor de cabeça para comprá-los. Parentes, amigos, o chefe, colegas de trabalho –todos devem ser presenteados.

A principal dica é construir uma escala simbólica e classificar as pessoas por ordem de importância.

Geralmente, no topo da pirâmide estão as pessoas mais próximas: marido, esposa e filhos. Os casais podem ser presenteados com algo para a casa, como um jogo de cozinha para as mulheres e uma ferramenta para os homens.

Já as crianças encomendam sozinhas seus presentes. O mais importante é que os pais vejam a tempo as cartas para o Papai Noel.

Depois de pegar a carta, os pedidos passam pelo crivo da moderação dos pais. As crianças podem desejar tudo, desde um skate até um ferrorama, mas receberão aquilo que os pais têm condições de pagar.

Também é preciso homenagear o chefe. Aqui é preciso o máximo de diplomacia. Ao mesmo tempo que não deve se escolher um presente corriqueiro, não se deve exagerar para não parecer muita bajulação. Pode-se optar por uma estatueta para a mesinha ou uma pintura. O mesmo pode ser usado para um parceiro de negócios.

Colegas de trabalho recebem os presentes mais despretensiosos –pequenas estatuetas representando um símbolo do ano no calendário chinês, champanhe, chocolates, canecas etc.

“O mais procurado são as canecas de Natal, pequenas figuras e ímãs de geladeira. Brinquedos de material macio também saem bem. A vendas continuarão fortes até o Ano-Novo. No dia 31 de dezembro é uma loucura, as pessoas levam tudo”, diz uma vendedora de uma loja de presentes.

O Natal na Rússia é comemorado no dia 7 de janeiro.

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.