Carta de Napoleão sobre ataque ao Kremlin vai para leilão

Foto: wikimedia.org

Foto: wikimedia.org

Documento cifrado no qual imperador francês confessa intenção de ataque pode custar até 15 mil euros.

Uma carta codificada de Napoleão Bonaparte em que admite seus planos de atacar o Kremlin de Moscou em 1812 será levada à leilão na França, segundo informações da rede britânica BBC.

“Às 3 da manhã do dia 22, vou explodir o Kremlin”, diz a mensagem enviada a Paris.

A carta em questão foi despachada em 20 de outubro, mas só chegou ao seu destino no dia 23. O imperador francês teve então que desistir da ideia de sobrevoar a residência do tsar por causa de uma retirada precipitada de suas tropas.

A carta, assinada por apenas “Nap”, também incluía informações sobre os estragos da invasão da Rússia e do colapso do exército gaulês. “Minha cavalaria está destroçada, muitos cavalos estão morrendo”, continua a carta, cujo valor foi estimado em 15 mil euros (cerca de R$ 41.500).

Publicado originalmente pela agência RIA Nóvosti

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.