Rosneft vai criar banco internacional

Foto: rosneft.ru

Foto: rosneft.ru

Maior petrolífera estatal da Rússia anunciou na última segunda-feira (12) a criação de uma instituição financeira para implementar seus projetos internacionais. Segundo comunicado oficial, iniciativa receberá consultoria de ex-executivos do Morgan Stanley.

O grupo consultivo irá prestar aconselhamento direto ao presidente da Rosneft, Ígor Setchin, com a intenção de estabelecer uma instituição baseada nos ativos financeiros da Rosneft, incluindo o Banco de Desenvolvimento Regional da Rússia.

O novo Banco Rosneft será concebido para assegurar a eficácia, controle e total transparência da prestação financeira de áreas estratégicas de crescimento da petrolífera.

Desse modo, irá ajudar na implementação dos projetos de escala internacional da empresa, racionalizar o sistema de petróleo bruto da Rosneft e de comércio de derivados de petróleo, bem como fornecer uma gama completa de serviços financeiros de alta qualidade a pessoas físicas e jurídicas nos setores de petróleo, gás e energia.

Setchin, um aliado de longa data do presidente Vladímir Pútin, deu início a planos ambiciosos para transformar a empresa em um ator importante nos mercados internacionais de petróleo.

A Rosneft anunciou em outubro passado um acordo histórico com a gigante petrolífera britânica BP para aquisição de sua participação de 50% na terceira maior produtora de petróleo da Rússia, TNK-BP, por um valor de US$ 28 bilhões mais acordos de participação.

A empresa também concordou em recomprar a participação restante de 50% no empreendimento conjunto russo BP do consórcio AAR, que pertence a bilionários russos.

O acordo da Rosneft para a compra total da TNK-BP transformaria a companhia na maior petrolífera de capital aberto do mundo, com produção de petróleo bruto superior ao das gigantes de energia globais Exxon Mobil e Royal Dutch Shell.

Publicado originalmente pela RIA Nóvosti

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.