Empresa de biometria de voz é premiada

Foto: speechpro.ru

Foto: speechpro.ru

Centro de Tecnologias Biométricas de Voz de São Petersburgo foi agraciado com prêmio Speech Industry Awards em agosto.

No último mês de agosto, o Centro de Tecnologias Biométricas de Voz de São Petersburgo foi agraciado com o prêmio internacional anual Speech Industry Awards, dedicado a empresas de destaque no setor.

O centro foi a primeira e única empresa russa laureada com o prêmio  em toda a história do concurso. Dentre as principais conquistas da empresa, o júri destacou os sistemas biomêtricos de registro fonético, assim como a mais recente versão do sistema de processamento de informações de áudio SIS II, utilizado por especialistas em fonética forense em 36 países.

Segundo especialistas do Speech Industry Awards, o projeto apresentado pelo centro cumpre todas as funções necessárias ao trabalho dos peritos criminais nessa área.

As realizações científicas na área de fonética forense têm sido amplamente usadas por serviços secretos de todos os países para fins de segurança. O projeto do centro permite identificar o locutor por sua voz e imagem facial.

Além disso, a empresa é, há mais de 20 anos, a maior do país no desenvolvimento de sistemas de biometria da voz. Ela foi criada em 1990 em São Petersburgo por um grupo de ex-funcionários de um projeto de pesquisa intitulado “Comunicações a Longas Distâncias", fundado nos anos 1930.

Atualmente, os produtos  do CTBV são usados por: FSB (Serviço Federal de Segurança da Rússia), polícia, gabinete da presidência, câmara alta e baixa do parlamento russo, ministério da Defesa e outros órgãos.

O departamento policial de Madri também utiliza sistemas do Centro de Tecnologias Biométricas de Voz de São Petersburgo, assim como México.

Como empresa baseada em Skôlkovo, centro de tecnologia e inovação no subúrbio de Moscou, o centro já recebeu 1,5 milhão de euros para pesquisa e desenvolvimento de um sistema multimodal de identificação biométrica de  pessoas por voz e imagem facial.

Serviços secretos e bancos

 

A tecnologia de biometria de voz Voicekey, desenvolvida pelo Centro de Tecnologias Biométricas de Voz de São Petersburgo é utilizada por bancos, empresas de telecomunicações e outras.

O sistema identifica o interlocutor pela voz, consulta a base de dados e informa sua identidade ao operador do centro em apenas um minuto. Se a voz do interlocutor estiver na "lista negra" da base de dados, o sistema avisa o operador que ele não é confiável.

Já os sistemas de identificação pela imagem do rosto são usados em locais públicos com grande concentração de pessoas, como estádios, casas de shows e outros.

Sistemas multimodais, por sua vez, podem identificar imediatamente uma pessoa pela voz e imagem facial, sem interferência devido a língua, dialeto ou sotaque. Portanto, podem ser usados em qualquer país do  mundo.

O objetivo do Centro de Tecnologias Biométricas de Voz de São Petersburgo ao se instalar em Skôlkovo era criar condições favoráveis a seu desenvolvimento e obter acesso ao mercado internacional.

"Estamos tratando de um tema científico que é muito popular e, ao mesmo tempo, tem grande importância prática por estar ligado à segurança pública. Como empresa residente de Skôlkovo, gozamos de incentivos fiscais e facilidades administrativas", explica o diretor-executivo do centro, Innokenti Dementiev.

"No outono de 2011, recebemos uma bolsa de pesquisa da Fundação Skôlkovo de 60 milhões de rublos [cerca de US$ 2 milhões]. Isso nos permitiu montar uma equipe de cientistas e convidar profissionais dos EUA", completa. 

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.