Rússia deixa de atrelar orçamento do Estado aos preços do petróleo

Foto: Getty Images/Fotobank

Foto: Getty Images/Fotobank

Verba prevista no orçamento elaborado pelo governo não está mais vinculada às variações de preço do petróleo no mercado internacional. O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro russo, Dmítri Medvedev, durante o Fórum Internacional de Investimento, que começou nesta quinta-feira (20) em Sôtchi.

“A crise mostrou que, se um país depende muito do preço de um único produto, ele fica vulnerável às instabilidades”, explicou o premiê russo, ao dizer que o governo finalmente conseguiu elaborar

uma proposta orçamentária sem vínculo com as variações de preço do petróleo.

“Essa decisão foi difícil, mas acabou sendo tomada e vamos cumpri-la”, completou Medvedev. O preço do petróleo era uma constante na formulação do orçamento estatal russo.

O primeiro-ministro também esclareceu que os superávits obtidos com a venda dos recursos energéticos serão canalizados para um fundo de reserva.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.