Frangos infectados com listeriose são devolvidos ao Brasil

Foto: TASS

Foto: TASS

Vigilância Veterinária das regiões de Primorie e de Sacalina, no Extremo Oriente da Rússia, encontrou bactérias perigosas em um lote de frangos vindo do Brasil ao porto de Vladivostok.

Os testes de laboratório detectaram nos frangos brasileiros a presença de agentes de listeriose, doença contagiosa e letal, segundo informou a agência IA Kazakh Zerno.

De acordo com o departamento de controle veterinário na fronteira da Federação Russa e o departamento do Serviço Federal de Vigilância Veterinária e Fitossanitária para as regiões de Primorie e de Sacalina, um contêiner com 24 toneladas de frangos infectados será enviado de volta ao país de origem.

Na Rússia, os casos de listeriose são registrados oficialmente desde 1992. Em comparação com salmonelose, a listeriose tem um número menor de casos registrados no país, embora apresente maior taxa de mortalidade e dificuldade de tratamento clínico.

Nas últimas décadas, os grandes surtos de listeriose em todo o mundo estiveram relacionados ao consumo de alimentos de origem animal.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.