Ex-militar recria relíquias da Segunda Guerra Mundial

Um militar aposentado da vila de Bolchoi Oech, nos arredores de Novosibirsk, criou modelos de carros de combate da Segunda Guerra Mundial. Além de serem muito fiéis aos blindados reais, as réplicas estão em condição de funcionamento.

Fotos: Andrêi Chapran

Com a queda da União Soviética, a cooperativa agrícola do vilarejo Bolchoi Oech, nos arredores de Novosibirsk, também entrou em colapso, assim como muitos outros elementos da época soviética.

Quase todos os seus habitantes deixaram a região em busca de emprego em outros locais – apenas cinco famílias restaram. Dentre elas, a do ex-engenheiro militar Viatcheslav Verióvochkin.

Depois de se aposentar, Viatcheslav viveu em Moscou por cinco anos e, em seguida, se mudou-se para Novosibirsk. De lá acabou indo para Bolchoi Oech, onde deu emprego a todas as cinco famílias que ali ficaram.

“Uma equipe como essa é capaz de montar um carro de combate em três meses”, diz. Seus primeiros carros foram montados a partir de peças dos tratores e colheitadeiras abandonados depois do fim da cooperativa agrícola local.

Depois de um de seus veículos ter participado do filme “O Sol Enganador 2: Cidadela”, de Nikita Mikhalkov, sobre a Grande Guerra Patriótica, o estúdio de cinema Mosfilm passou a encomendar veículos autênticos dos tempos da Segunda Guerra Mundial. Os modelos de Viatcheslav Verióvochkin já participaram de pelo menos 10 filmes nacionais dedicados a esse período histórico.

Nos trinta primeiros anos de sua carreira militar, Viatcheslav Verióvochkin desmontava e montava todos os veículos blindados em serviço no exército russo, interessando-se, sobretudo, por aqueles da Segunda Guerra Mundial.

Na oficina construída perto de sua casa, Verióvochkin fez cerca de 40 modelos de carros de combate da Segunda Guerra Mundial com a ajuda da comunidade.

Uma dúzia dessas antiguidades está em um campo de batata próximo dali. Alguns dos veículos serão vendidos, outros, como o lançador autopropulsado de mísseis “Katiucha” e o lendário carro de combate soviético T-34, serão entregues ao bairro de Zaeltsevksi, na cidade de Novosibirsk, para exibição durante o Dia da Vitória, comemorado em 9 de maio.

O ex-governador concedeu-lhe ainda um terreno perto da vila para testar os modelos construídos.

Além de serem muito fiéis aos veículos blindados fabricados durante a Segunda Guerra Mundial, estão em condições de funcionamento.

O próximo passo agora é criar um museu de material de guerra.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.