Yújni e Davidenko são armas para encarar o Brasil

Foto:Reuters

Foto:Reuters

Capitão da seleção russa de tênis confirma tenistas na equipe que enfrentará próximo rival na Copa Davis.

A “velha guarda” do tênis russo será a base da equipe que enfrentará o Brasil em Kazan, na região do Volga, no mata-mata que definirá a permanência de um dos dois países na próxima edição da Copa Davis (a Copa do Mundo do esporte, realizada anualmente) masculina.

Capitão do time, Shamil Tarpíchev anunciou que Nikolái Davidenko, Dmítri Tursúnov, Mikhail Yújni e Igor Andréev serão os responsáveis por enfrentar o país sul-americano entre os dias 16 e 18 de setembro em Kazan, na região do Volga.“Acho que, se conseguirmos nos preparar bem para os jogos, teremos vantagem frente aos brasileiros”, disse o capitão. 

Neste ano, a Rússia foi eliminada da disputa pela Saladeira de Prata, troféu destinado aos campeões da Copa Davis, logo na primeira rodada do torneio. Sem Davidenko e Yújni, a equipe chefiada por Tarpíchev perdeu para a Suécia fora de casa por três partidas a duas.

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.