Welliton abandona Spartak Moscou

Foto: RIA Nóvosti

Foto: RIA Nóvosti

Artilheiro brasileiro deixa clube de Moscou após se recusar a assinar novo contrato.

Após uma trajetória de quatro anos de sucesso no time titular do Spartak Moscou, o atacante brasileiro de 24 anos Wellington não quer renovar contrato com a equipe da capital russa. Autor de 58 gols em 105 jogos e ídolo da torcida local, o jogador recusou uma oferta em que seu novo salário anual seria aproximadamente US$ 500 mil maior.


“Wellliton realmente se recusa a renovar o acordo com o Spartak”, contou-nos uma fonte ligada ao clube da capital russa. “E isso não acontece apenas por causa do salário. O fato é que, ainda no início do ano, a direção do Spartak de Moscou prometeu liberá-lo a um clube no Exterior se houvesse uma proposta justa.”


“Estas propostas vieram de dois clubes alemães: Stuttgart e Wolfsburg. Mas a direção do Spartak Moscou não concordou com o valor que eles estavam dispostos a pagar e fez a Welliton uma proposta de renovação de contrato”, afirmou a fonte. “Assim, o atacante alega que seu time não cumpriu as promessas que lhe foram dadas anteriormente. Consultou seus agentes e decidiu recusar o novo acordo. Ele anunciou que quer jogar mais meio ano na Rússia e, após esse tempo, terá liberdade para negociar com outras equipes.”


O contrato atual do brasileiro expira no mês de junho do próximo ano. Mas, de acordo com o regulamento da FIFA, nos últimos seis meses de duração do atual contrato, ele pode decidir sozinho seu destino. Assim, em janeiro, será capaz de ditar as condições que bem entender. Caso contrário, no próximo verão, poderá abandonar o time russo sem ter que pagar nenhum tostão.


Ex-jogador do time brasileiro Goiás, Welliton Soares chegou ao Spartak Moscou em junho de 2007. Na época, custou seis milhões de euros para Leonid Fedun, dono do clube e vice-presidente da Lukoil, uma das maiores empresas russas de petróleo.



O artigo foi originalmente publicado no site lifesports.ru 

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.