Derrotado duas vezes, lutador se aposenta

Fiódor Emeliánenko, o "último imperador" de artes marciais mistas/Foto de Grigori Sobtchenko, Commersant

Fiódor Emeliánenko, o "último imperador" de artes marciais mistas/Foto de Grigori Sobtchenko, Commersant

Duas derrotas seguidas –ambas para brasileiros – parecem ter acabado com a carreira de Fiódor Emeliánenko, campeão de artes marciais mistas.

Sua derrota para Fabrício Verdum, em junho de 2010, foi um choque. Emeliánenko reinava sozinho no topo do ranking por quase dez anos, e àquela altura a derrota pareceu casual.

Mas as quartas de finais do torneio Strikeforce contra Antônio Silva acabaram da mesma maneira e derrubaram de seu trono o “último imperador”, como foi apelidado pelos fãs.


Durante dois rounds, Silva, muito mais forte, não conseguiu fazer seu adversário capitular, mas o combate foi suspenso pelos médicos. Então, com um grande hematoma no olho direito, o ex-campeão anunciou: “É hora de parar”.

Visite o site do Fiódor Emeliánenko: http://www.efedor.ru/

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.