Moscou se prepara para celebrar 870 anos; confira programação

Аrtiom Korotaev/TASS
Entrada gratuita em museus, festivais de arte e gastronomia, e muitos fogos. Se você estiver planejando uma visita à capital russa nos primeiros 10 dias de setembro, há diversas opções de entretenimento e lazer além das já famosas atrações da cidade.

Para celebrar os 870 anos da capital russa, a cidade terá uma celebração de 10 dias a partir da próxima sexta-feira (1º). Os eventos mais importantes, porém, irão acontecer nos dias 9 e 10 de setembro, quando todas as estações de metrô e do anel ferroviário urbano ficarão abertas 24 horas por dia.

A rua Tverskaya, uma das principais no centro de Moscou, irá sediar as principais atrações, embora os eventos sejam espalhados por vários espaços públicos e parques.

Festival de música militar ‘Spasskaya Tower’

Edição de 2016 do festival Spasskaya Tower (Foto: Evguêni Odinokov/RIA Nôvosti)Edição de 2016 do festival Spasskaya Tower (Foto: Evguêni Odinokov/RIA Nôvosti)

O festival internacional de música militar ‘Spasskaya Tower’ teve início no último sábado (26) na Praça Vermelha e seguirá até domingo (3). Participam da edição atual 29 grupos militares de diversos países, como Rússia, Áustria, Armênia, Bielorrússia, Egito, Índia, Itália, Cazaquistão, China, Turquia, Uzbequistão, Suíça e Chile.

No sábado que vem (2), um dia antes do término do evento, os músicos também farão 12 apresentações em diferentes parques de Moscou. Para quem estiver pela cidade, é possível não só checar a programação, como também comprar ingressos pela internet.

Atrações na rua Tverskaya

Rua Tverskaya receberá principais atrações (Foto: Kirill Zikov/Agência Moskva)Rua Tverskaya receberá principais atrações (Foto: Kirill Zikov/Agência Moskva)

Na rua Tverskaya, onde os carros não poderão circular durante as celebrações de aniversário de Moscou, abrigará diversas atrações temáticas e esportivas.

Além disso, as contribuições de moscovitas importantes para a história da capital e do país como um todo serão expostas nessa via nos dias 9 e 10 de setembro. As atividades começarão às 10 da manhã, portanto, não perca, por exemplo, a estação do submersível Mir, as sondas Mars e Lunar, e um modelo do sistema solar. Paralelamente, os arranha-céus stalinistas e a Casa Pertsov, entre outros edifícios históricos, serão iluminados para destacar as conquistas arquitetônicas da capital.

Festival gastronômico

No mesmo fim de semana (e também na rua Tverskaya), 11 restaurantes moscovitas farão pratos inventados na capital ou que foram populares em diferentes épocas ao longo dos tempos. No cardápio estarão, por exemplo, forchmak de vitela, beliach, chachlik, bolo de leite de pássaro, e até mesmo um prato de Moscou do futuro – criado especialmente para o festival por Vladímir Mukhin, chefe do White Rabbit, o único restaurante russo que consta no ranking dos 50 melhores do mundo.

Fogos de artifício

Fogos de artifício serão lançados a partir de 13 pontos da capital (Foto: Serguêi Kiselev/Agência Moskva)Fogos de artifício serão lançados a partir de 13 pontos da capital (Foto: Serguêi Kiselev/Agência Moskva)

Às 10 da noite do dia 9 de setembro, haverá uma grande queima de fogos de artifício cintilantes em forma de crisântemos, cobras, corações e outras imagens. Serão disparados, no total, de 13 mil rojões a partir de 13 pontos diferentes da capital russa.

Museus de graça

Grande Palácio Tsarítsino (Foto: Maksim Blinov/RIA Nôvosti)Grande Palácio Tsarítsino (Foto: Maksim Blinov/RIA Nôvosti)

Uma série de museus da cidade poderão ser visitados gratuitamente nos 9 a 10 de setembro, entre eles o Museu de Arte Moderna de Moscou, o Museu-Panorama da Batalha de Borodinó, o Museu de Moscou e o Museu de História da Gulag.

Diversos desses espaços também prepararam exposições especiais para celebrar o aniversário da cidade. O Museu de Moscou, por exemplo, mostrará a capital russa através de olhares estrangeiros – além de desenhos e gravuras, haverá um espaço dedicado aos pertences dos expatriados.

Visitas guiadas

O Zoológico de Moscou, o Museu Tsarítsino, e outros 70 museus e parques oferecerão visitas guiadas gratuitas de 9 a 10 de setembro. Entre os destaques, o Museu de Arte Contemporânea Garage realizará um passeio arquitetônico em torno do parque Górki, e o Museu Estatal Púchkin de Belas Artes oferecerá um tour pela famosa rua Arbat. Para participar desses eventos, é necessário fazer um cadastro prévio no site dos próprios museus ou da Prefeitura de Moscou.

Há ainda a opção de curtir uma das 50 visitas guiadas gratuitas (em russo) do Moscow Walking Tour. A programação pode ser encontrada no site oficial, onde também há oferta de passeios pagos em inglês.

Tour pelo Anel Central de Moscou

Anel Central de Moscou (Foto: Andrêi Nikeritchev/Agência Moskva)Anel Central de Moscou (Foto: Andrêi Nikeritchev/Agência Moskva)

Este anos, moscovitas e turistas poderão fazer ainda um tour gratuito (em russo) pelo Anel Central de Moscou. O passeio levará a várias estações que são, hoje, exemplares únicos da arquitetura art nouveau do início do século 20. Além disso, é possível percorrer as zonas industriais da cidade, que são cada vez mais ocupadas por centros de varejo e edifícios residenciais. As inscrições já estão abertas.

Teatro de rua e moda

No parque Górki, também no centro da capital, haverá um enorme apresentação de teatros de rua italianos, franceses e russos. Uma delas, “Sonhos coloridos”, irá reunir acrobatas, dançarinos e cantores de ópera por 10 horas perto da fonte principal.

Além disso, o parque Muzeon será transformado em laboratório de moda interativo: nele, os visitantes poderão observar as novas criações dos melhores estilistas de Moscou e até poderão criar seus próprios looks. A entrada será gratuita. No dia 9 de setembro, os eventos começarão à 1 da tarde; e no dia 10, a partir das 3 da tarde.

Vai visitar Moscou em outras datas?
Confira todos os eventos que rolam na capital no site oficial do Prefeitura de Moscou.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui
 para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.