Não jogue o pão velho fora: aprenda a fazer grénki

O grénki é tão fácil de ser feito que até uma criança com idade suficiente para usar um fogão pode tentar

O grénki é tão fácil de ser feito que até uma criança com idade suficiente para usar um fogão pode tentar

Legion Media
Sobremesa russa é tão simples de fazer que até crianças podem tentar.

Os russos sempre deram ao pão um lugar de honra na mesa, mas ele só se tornou acessível à maioria das pessoas há menos de cem anos. Antes disso, nem todo mundo podia pagar os altos preços da farinha de trigo, e por muito tempo o governo impôs restrições ao consumo de pão.

Por conta disso, as pessoas continuam tratando o pão com uma certa reverência na Rússia. Desde a infância as pessoas são ensinadas a respeitar as pessoas que produzem o pão. É um trabalho duro, que começa com o cultivo do trigo e a moagem dos grãos.

O pão não é só um alimento, mas um símbolo de união. Há uma expressão russa que diz “uma fatia cortada” e se refere a pessoas que se afastaram de suas famílias.

Os russos sempre têm pão na mesa. Ele é o alimento mais importante da casa, e praticamente nenhuma refeição acontece sem algumas fatias de pão preto ou branco.

Quando convidados ou recém-casados chegam a uma casa, são recebidos de acordo com um antigo costume, com pão e sal. O pão mais saudável é feito de grãos integrais, mas pão de centeio, de farelo de trigo e de grãos mistos também são muito populares hoje.

Mesmo se estiver velho e duro, o pão não é jogado fora. é melhor alimentar os pássaros com o pão velho do que descartá-lo - um costume antigo da época pré-cristã: na cultura eslava, os pássaros guardavam as almas dos mortos.

A culinária russa oferece uma grande variedade de receitas para aproveitar os pães amanhecidos. O pão preto, por exemplo, pode ser usado para fazer o kvass, drinque muito popular no verão. Já o pão branco pode ser usado para fazer o bolo kartochka. O pão velho também é acrescendo ao purê de batatas e à massa de tortas.

Se você tiver apenas alguns ovos na geladeira e um pedaço de pão do dia anterior já será suficiente para fazer um prato simples e gostoso, o grénki. Segundo uma teoria, o nome do prato deriva da palavra “gret”, que significa aquecer. Mas alguns historiadores acreditam que o termo vem da palavra francesa “grains”, que significa migalhas.

O grénki é tão fácil de ser feito que até uma criança com idade suficiente para usar um fogão pode tentar. Podem ser usados diferentes tipos de pão, cujas fatias podem ser fritas ou assadas.

O prato pode ser doce ou salgado e pode ser acompanhado de frutas, queijos, frios e outros alimentos.

Genki de baguete com ovos

Esta é a versão mais comum do prato e geralmente é feita para o café da manhã e servida com uma bebida quente.

Foto: Dária SokolovaFoto: Dária Sokolova

Ingredientes:

  • Uma baguete amanhecida
  • Dois ovos
  • Uma colher (sopa) de açúcar
  • Geleia a gosto

Modo de fazer:

Corte a baguete em fatias de cerca de 1 centímetro de espessura.

Foto: Daria SokolovaFoto: Daria Sokolova

Em uma tigela, misture os ovos com o açúcar e mexa com um garfo

Mergulhe os dois lados das fatias de pão na mistura e coloque-as em uma frigideira quente. Para formar uma crosta dourada, derreta um pouco de manteiga ou óleo vegetal na frigideira antes de fritar as fatias.

Foto: Dária SokolovaFoto: Dária Sokolova

Uma versão alternativa do grénki é feita com geleia. Faça um sanduíche de geleia com duas fatias de pão, passe os dois lados do sanduíche na mistura de ovos e açúcar e frite ambos os lados por cerca de três minutos cada.

Foto: Dária SokolovaFoto: Dária Sokolova

 / Daria Sokolova / Daria Sokolova

 Daria Sokolova Daria Sokolova

Foto: Dária SokolovaFoto: Dária Sokolova

Priátnogo appetita!

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook