Mimosa, a salada com cara de bolo

Escassez da época soviética exigia criatividade na hora de impressionar visitas

Escassez da época soviética exigia criatividade na hora de impressionar visitas

Vostock-Photo
Prato soviético combina três ingredientes fundamentais: sabor, beleza e praticidade.

Embora a flora de mimosa seja um símbolo tradicional da primavera na Rússia, assim como das mulheres em diversas partes do mundo, a salada russa homônima virou um prato comum também nos meses mais frios, pois a receita não requer legumes frescos.

A mimosa surgiu pela primeira vez na União Soviética do início dos anos 1970, e seu nome remete à flor amarela e brilhante, também “deliciosa aos olhos”. Apesar do apelo estético, essa criação foi um grande alívio para cozinheiros soviético, porque a maioria dos ingredientes eram baratos e fáceis de encontrar.

Na época, porém, só não era muito comum encontrar peixe em conserva. Mas as famílias soviéticas conseguiam obtê-lo como parte da cesta de alimentos especial “encomenda” (“zakaz”, em russo). Esse conjunto de itens alimentares menos comuns só era obtido por meio do trabalho, sobretudo antes de grandes feriados nacionais.

O peixe enlatado tornou-se mais comum e barato nos anos 1980, e, logo, a mimosa virou figurinha carimbada nas celebrações populares. Atualmente, todos os cafés e restaurantes que servem comida típica russa possuem o prato no cardápio.

Preparar essa salada requer olho para os detalhes, e é importante colocar os ingredientes em camadas bem definidas para evitar que se misturem. Se quiser impressionar ainda mais, monte a mimosa em taças individuais.

Ingredientes

200 g de peixe em conserva (de preferência, salmão)
3 batatas
2 cenouras
5 ovos
1 cebola grande
100 g de queijo ralado
300 g de maionese
Sal a gosto

Modo de preparo

1. Cozinhe as batatas e cenouras por 20 minutos, e os ovos, por 10 minutos. Descasque as batatas cozidas e, em seguida, passe-as por um ralado. Adicione sal a gosto. Coloque as batatas no fundo da forma e cubra com maionese.

2. Deixe escorrer o líquido (água ou óleo) da lata e corte o peixe em pedaços pequenos. Distribua o peixe sobre as batatas, e cubra novamente com maionese.

3. Depois de os ovos esfriarem, separe as gemas das claras. Faça uma camada com as claras picadas, acrescente sal e cubra com maionese.

4. Pique a cebola e deixe-a em água fervente por 5 minutos. Escorra a água, adicione uma pitada de sal e coloque a cebola sobre as claras, cobrindo com maionese.

5. Descasque as cenouras, rale-as e coloque sobre a cebola, acrescentando sal e cobrindo com mais uma camada de maionese.

5. Salpique queijo ralado e cubra com mais uma camada fina de maionese. Para decorar, coloque as gemas cozidas e raladas e um pouco de endro sobre a salada.

Priátnogo appetita!

Gostaria de receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?  
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.