Músicos terão áreas reservadas no metrô moscovita

Músicos só poderão se apresentar em áreas reservadas e com licenças. Objetivo é não atrapalhar fluxo de passageiros.

Músicos só poderão se apresentar em áreas reservadas e com licenças. Objetivo é não atrapalhar fluxo de passageiros.

Lori/Legion Media
Prefeitura segue exemplo londrino para esquema que entrará em funcionamento a partir de 2016.

A prefeitura de Moscou definiu neste mês as 15 áreas do metrô que serão reservadas a músicos de rua.

“A iniciativa é inspirada na experiência de Londres: lá, só os músicos que têm licença podem tocar no metrô. As áreas reservadas garantirão a segurança dos próprios músicos, pois são bem vistoriadas por meio de câmeras de vigilância. Além disso, eles e seus espectadores não atrapalharão o tráfego de passageiros", lê-se em comunicado da prefeitura.

As apresentações continuarão a ser gratuitas, e serão instaladas placas nos locais reservados avisando que só são permitidas doações voluntárias.

Uma lista preliminar já estabeleceu algumas das estações que receberão as áreas reservadas a músicos: Arbátskaia (linha azul), Borovítskaia, Vorobiôvi Góri, Vistavotchnaia, Vladimirskaia, Kitai-górod, Kúrskaia, Lermontóvski Prospekt, Maiakóvskaia, Polianka, Trúbnaia, assim como as passagens de baldeação da Estação Trúbnaia para a Tsvetnôi Bulevard, da Teatrálnaia para a Okhôtni Riad, da Okhôtni Riad para Teatrálnaia e entre a Teatrálnaia e Ploschad Revoliútsii.

O novo esquema deverá entrar em funcionamento no primeiro trimestre de 2016.

Com material da agência Ria Nôvosti.

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook