Neste dia: Estádio Lujniki era oficialmente inaugurado

Estádio Lujniki, no sudoeste de Moscou, fotografado em 1956

Estádio Lujniki, no sudoeste de Moscou, fotografado em 1956

Anatôli Garanin/RIA Nôvosti
Maior campo esportivo do país será palco principal da Copa do Mundo de 2018

Em dezembro de 1954, o governo soviético aprovou a construção do maior estádio de Moscou, que foi, enfim, inaugurado em 31 de julho de 1956.

Inicialmente Estádio Central Lênin, o estádio foi renomeado para Lujniki (em português, “prado”) por estar situado em áreas de inundação na curva do rio Moscou.

Atentado a todos os padrões internacionais, esse espaço serviu de base de treinamento para atletas olímpicos e recebeu competições importantes. Além de sediar as cerimonias de abertura e encerramento e partidas das Olimpíadas de Verão de 1980, o Lujniki já acolheu o Campeonato Mundial de Hóquei no Gelo de 1957, a final da Liga dos Campeões da Uefa de 2008 e o Campeonato Mundial de Atletismo de 2013.

Totalmente reformado desde 2013, o estádio possui capacidade para 81 mil assentos e se prepara agora para receber a abertura, final e mais 5 partidas do Mundial de 2018.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.