Filme brasileiro concorre a prêmio central no Festival de Cinema de Moscou

Marina Ximenes e Antonio Pedro em cena de “Quase memória”

Marina Ximenes e Antonio Pedro em cena de “Quase memória”

adorocinema.com
“Quase memória”, de Ruy Guerra, é baseado no romance autobiográfico de Carlos Heitor Cony. Além dos indicados à estatueta, evento focará produção europeias e sul-coreanas.

Os organizadores do 38° Festival Internacional de Cinema de Moscou anunciaram, em coletiva de imprensa, os 12 filmes que concorrerão à competição principal do evento, que acontece de 23 a 30 de junho. Entre os indicados está o brasileiro “Quase memória”, de Ruy Guerra, baseado no romance autobiográfico do jornalista e escritor Carlos Heitor Cony.

O filme, que foi exibido nos festivais internacionais de cinema de São Paulo e Rio de Janeiro no ano passado, tem Mariana Ximenes e Tony Ramos no elenco e conta a história de Carlos, um homem condenado às agitações da memória que encontra-se com ele mesmo ao receber uma encomenda enviada por seu pai, Ernesto, morto há anos.

Além do longa de Ruy Guerra, que volta às telonas desde “O veneno da madrugada” (2005), estão entre os indicados o italiano “La macchinazione”, de David Grieco, que trata dos últimos três meses de vida do poeta italiano Pier Paolo Pasolini, o romance francês “Marie and the Misfits”, de Sébastien Betbeder, e “O Monge e o Demônio”, do russo Nikolai Dostal.


Fonte: YouTube/papodecinemaph

Segundo o diretor do programa do festival, Kirill Razlogov, o evento deste ano contará também com um “programa impressionante” de filmes europeus e sul-coreanos que não concorrem ao prêmio central, a estatueta de ouro de São Jorge.

“A tendência principal é de filmes longos”, disse Razlogov, acrescentando que “alguns deles terão de oito a 12 horas de duração”.

O festival será aberto por “Sneakers” (“Ke-dy”), drama do famoso cineasta e autor do filme cult da perestroika “Assa” Serguêi Soloviov, e terá como encerramento a exibição da nova produção de  Woody Allen, “Café Society”.

O júri da competição principal será comandado pelo ator e diretor búlgaro Ivaylo Hristov, que recebeu o grande prêmio no Festival Internacional de Moscou do ano passado por seu filme “Perdedores”. Também estarão presentes na mesa o diretor alemão Ulrike Ottinger, o ator e produtor indiano Randhir Kapoor, e a atriz russa Viktória Isakova.

Gostaria de receber as principais notícias sobre a Rússia no seu e-mail?  
Clique aqui para assinar nossa newsletter. 

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.