Festival de cinema na África do Sul elegerá ‘melhor do Brics’

‘Pechorin’ é um dos cinco filmes russo em exibição na mostra

‘Pechorin’ é um dos cinco filmes russo em exibição na mostra

kinopoisk.ru
‘RapidLion’ apresentará circuito alternativo aos tradicionais festivais de cinema. Rússia terá cinco filmes na mostra e Brasil exibirá ‘Trinta’, sobre carnavalesco.

Em sua primeira edição, o festival sul-africano ‘RapidLion’ reunirá filmes produzidos e dirigidos por pessoas nascidas ou residentes nos países do Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). O evento, que acontece em Johannesburg a partir de 12 de março, terá também uma categoria para selecionar o Melhor do Brics.

“O ‘RapidLion’ quer mostrar ao mundo a existência de filmes de primeira linha fora do circuito da América do Norte e da Europa Ocidental”, disse o fundador do festival, Eric Meehan, à agência TASS.

A ideia partiu de novos cineastas sul-africanos como uma alternativa aos festivais de cinema já tradicionais, a exemplo de Cannes, Veneza e Berlim.

A Rússia será representada por cinco filmes, entre eles “Pechorin”, de Roman Khrusch, enquanto o Brasil apresentará “Trinta”, dirigido por Paulo Machline, sobre o artista plástico e famoso carnavalesco.

Outros países africanos, como Angola e Mauritânia, também terão obras exibidas no festival.

O prêmio principal será uma estátua de uma leoa saltando, que representa o símbolo africano da perfeição. A lista dos vencedores em todas as categorias será anunciada em 19 de março.

Trinta Fonte: DivulgaçãoCena de 'Trinta', sobre carnavalesco brasileiro Foto: Divulgação

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.