Mausoléu de Lênin ficará fechado ao público por dois meses

Mausoléu é uma das principais atrações da Praça Vermelha, em Moscou

Mausoléu é uma das principais atrações da Praça Vermelha, em Moscou

Lori/Legion-Media
Visitas estão suspensas a partir de 16 de fevereiro para ‘manutenção’ do corpo.

O mausoléu do líder da revolução de 1917, Vladímir Lênin, permanecerá fechado ao público por dois meses, entre 16 de fevereiro e 16 de abril.

Segundo informou o jornal “Rossiyskaya Gazeta”, o corpo embalsamado de Lênin passará por um processo de “manutenção” de rotina.

O corpo do líder comunista é periodicamente submetido a uma imersão em soluções químicas para evitar a desumidificação.

Os funcionários do mausoléu também irão aproveitar a oportunidade para trocar as roupas de Lênin.

Quer receber as principais notícias sobre a Rússia em seu e-mail?
Clique aqui para assinar nossa newsletter.

Autorizamos a reprodução de todos os nossos textos sob a condição de que se publique juntamente o link ativo para o original do Russia Beyond.