Escritor da Tchetchênia acusa "Avatar" de plágio

Em contrapartida, representantes do diretor canadense acusam o tchetcheno de plagiar "Avatar" Foto: Kinopoisk.ru

Em contrapartida, representantes do diretor canadense acusam o tchetcheno de plagiar "Avatar" Foto: Kinopoisk.ru

Segundo Ruslan Zakriev, 28 trechos do filme de Cameron, incluindo cenas inteiras, coincidem com outros de sua autoria.

O escritor russo Ruslan Zakriev, 55, está acusando o diretor do filme de ficção científica "Avatar", James Cameron, de plágio e afirma que irá processar o canadense e exigir um bilhão de dólares pelo uso indevido de sua obra.

Zakriev diz que Cameron "roubou a ideia para 'Avatar'", e que está pronto apresentar provas. Segundo ele, o plágio se baseou no romance "Arma secreta" (em tradução livre do russo "Sekretnoe Orújie"), no qual trabalhou de 1996 a 2002, quando foi publicado na internet. 

"Avatar" foi exibido nas telonas seis anos depois, com bilheteria mundial de quase três bilhões de dólares.

"Comparei o roteiro de 'Avatar' e do meu romance juntamente com meus ajudantes e advogados, e no total encontramos 28 'coincidências', entre as quais cenas inteiras e até alguns nomes de personagens. É um verdadeiro plágio sobre o qual o diretor de Hollywood faturou muito bem", disse Zakriev à Rossiyskaya Gazeta.

 

"Decidi que isso não era certo, e comecei a me corresponder com os representantes de James Cameron. Guardeu as oito cartas que recebi deles", completa.

De acordo com o escritor, os representantes do diretor canadense "reconhecem a coincidência em algumas cenas do filme", mas acusam de plágio o próprio Zakriev e ameaçam processá-lo, caso ele não deixe de apresentar reclamações.

"Devo reconhecer que nem James Cameron, nem eu lemos seu roteiro por inteiro, e não acredito que ele seja interessante para nós", lê-se em uma das cartas do assessor de imprensa do diretor, Tom Clancy.

"Apesar disso, está claro, desde a primeira página dessa história, que você realmente copiou o enredo do filme 'Avatar'. Os fragmentos são muito claros, então preciso lhe alertar que, se você usa essas partes ou todo o roteiro do filme 'Avatar' para fins comerciais, seremos obrigados a declarar nossos direitos autorais e processá-lo judicialmente. Recomendamos que você pare por aí e não tome mais quaisquer iniciativas", continua a missiva.

Mesmo assim, Zakriev ainda pretende processar o diretor e planeja realizar o julgamento em Moscou ou Nova York.

"Ruslan Zakriev não é membro da União dos Escritores da República da Tchetchênia. Conheço esse indivíduo, e acho que ele não vai conseguir realizar seus planos em relação ao julgamento de Cameron. Nunca vi um livro de Zakriev além desse que ele cita. E mesmo esse nunca foi publicado", disse o presidente da entidade, Kant Ibraguimov.

Zakriev, por sua vez, afirma ser autor de centenas de obras, entre contos, novelas e romances, publicados em sites e revistas.

 

Publicado originalmente no diário Rossiyskaya Gazeta

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.