“Crowdfunding” estreia na Rússia

Imagem extraída da campanha de divulgação do filme "28 Panfilovtsev" Foto: kinopoisk.ru

Imagem extraída da campanha de divulgação do filme "28 Panfilovtsev" Foto: kinopoisk.ru

Sites usados para arrecadar dinheiro do público pela internet estão ganhando popularidade entre os cineastas independentes.

Embora os sites de “crowdfunding” ainda esteja sendo testado como um método viável de financiamento de filmes na Rússia, vários projetos foram lançados recentemente com diretores que tentam convencer os espectadores comuns a cofinanciar seus filmes.

O projeto de maior sucesso lançado até agora foi “28 Panfilovtsev”  (Divisão Panfilov 28), um épico sobre a Segunda Guerra Mundial focado na defesa heroica de Moscou, no outono de 1941, por um punhado de soldados soviéticos contra as forças nazistas.

 

Pioneirismo russo

Em meados dos anos 1990, quando o termo “crowdfunding” ainda não tinha sido inventado, um filme financiado por telespectadores foi produzido na Rússia. O veterano Evguêni Matveiev apelou ao público para custear a sequência de seu drama “Liubit po-Russki”, de 1995. Embora não se saiba quanto foi arrecadado, a iniciativa deu certo e a continuação do filme foi lançada no ano seguinte.

 

O projeto foi colocado no site Boomstarter.ru, o equivalente russo da plataforma americana Kickstarter, e os criadores esperavam arrecadar 300 mil rublos (cerca de US$ 9.100) até 15 de julho. Porém, graças à divulgação do projeto por Dmítri “Goblin” Puchkov, conhecido tradutor de filmes estrangeiros, os produtores conseguiram arrecadar quase 100 mil dólares.

“Gosto da história, é uma belíssima lenda”, disse o produtor Andrei Chalopa ao site kinonote, acrescentando que sua intenção é fazer um filme nos moldes do blockbuster hollywoodiano “300”, que é uma releitura ficcional da Batalha das Termópilas.

O filme russo entrará em produção no final de 2013 e tem estreia prevista para o final de 2014.

Outros projetos notáveis atualmente abertos para crowdsourcing incluem “Dlia Nas – Nitchego” (Nada para nós), documentário de Oleg Miasoiedov e Lena Korikhalova centrado em movimentos separatistas na América Latina.

Ainda assim, o “crowdfunding” é um recurso relativamente novo para os cineastas russos, e até agora nenhum filme financiado dessa forma foi lançado ou exibido em um festival de cinema.

 

Publicado originalmente pelo The Moscow News

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.