São Paulo celebra 50 anos da primeira mulher no espaço

A exposição na Escola Municipal de Astrofísica Professor Aristóteles Orsini, no parque Ibirapuera, oferecerá uma oportunidade única de conhecer melhor a cosmonauta a russa e a história dessa importante viagem espacial Foto: Victor Gers Jr.

A exposição na Escola Municipal de Astrofísica Professor Aristóteles Orsini, no parque Ibirapuera, oferecerá uma oportunidade única de conhecer melhor a cosmonauta a russa e a história dessa importante viagem espacial Foto: Victor Gers Jr.

História da cosmonauta Valentina Terechkova é revivida por fotos e obras de artes sobre a lendária viagem ao espaço.

No próximo sábado (29), será inaugurada na capital paulista uma exposição em
homenagem ao 50º aniversário da viagem da primeira mulher ao espaço,
Valentina Terechkova.

A exposição na Escola Municipal de Astrofísica Professor Aristóteles Orsini, no parque Ibirapuera, oferecerá uma oportunidade única de conhecer melhor a cosmonauta a russa e a história dessa importante viagem espacial.

Além de painéis fotográficos, a mostra organizada pelo conselho cultural da Associação Grupo Volga Folclore Russo da Vila Zelina apresentará dozes obras do artista plástico Edison Braga em alusão ao tema.

Também haverá algumas oficiais culturais, cuja programação detalhada pode ser encontrada no site da Prefeitura de SP 

(http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/meio_ambiente/planetarios/ema/index.php?p=40786) 

e no site do grupo Volga (www.grupovolga.com.br).

Terechkova foi ao espaço no dia 16 de junho de 1963 a bordo do foguete Vostok-6. Ela foi escolhida entre dezenas de candidatos, após uma batelada de exame e preparativos exaustivos.

Em seu retorno à Terra, a cosmonauta foi premiada com várias medalhas pelo poder soviético e ganhou uma série de documentários sobre sua história e viagem. Atualmente, Terechkova, que possui 76 anos, trabalha como deputada.

Mais informações:

Local: Escola de Astrofísica Aristóteles Orsini

Endereço: Complexo do Planetário do parque do Ibirapuera, portão 10, São Paulo

Data: 30 de junho a 6 de setembro

Entrada franca

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.