Teatro Bolshoi introduz novas regras para a pré-venda de ingressos

Foto: Evgenyi Samarin/RIA Novosti

Foto: Evgenyi Samarin/RIA Novosti

Bilhetes com rasuras, adesivos e outras alterações agora serão considerados inválidos e não poderão ser devolvidos.

Desde o dia 1º, o Teatro Bolshoi, em Moscou, tem novas regras para a pré-venda de ingressos.

Pelas novas medidas, foi revogada a possibilidade de serem feitas reservas através de e-mail. O objetivo é reforçar as medidas de combate a cambistas, informou um representante do serviço de imprensa do Teatro Bolshoi para a “RIA Nóvosti”.

Ingressos com rasuras, adesivos e outras alterações agora serão considerados inválidos e não poderão ser devolvidos.

“Não é nenhum segredo que os bilhetes baratos, sobre os quais está indicado o seu valor real, muitas vezes são vendidos muito mais caro”, explicou um representante do serviço de imprensa do teatro.

“Com isso, os interceptadores estão enganando os espectadores: o preço é rasurado ou é encoberto por uma etiqueta colada, sobre a qual é escrito um preço diferente, muitas vezes maior do que o original.”

Dois tipos

Os ingressos agora terão duas formas —com indicação dos dados pessoais do comprador e sem ela.

Como antes, a pré-venda será realizada com três meses de antecedência, conforme programado. No primeiro dia de pré-venda, entre 11h e 15h, nos caixas do Teatro Bolshoi, os ingressos serão vendidos mediante a apresentação de um documento de identidade –não mais de dois por pessoa. No bilhete, impresso em papel com timbre especial, haverá indicado o sobrenome do comprador e o número de seu documento.

Como informado pelo site do teatro, a partir das 16h, ingressos remanecentes da pré-venda serão colocados à venda livre. Estes já poderão ser adquiridos sem a apresentação de documento de identificação nos caixas do teatro, na internet e nas bilheterias de teatro urbanas.

 

Publicado originalmente pela RIA Nóvosti

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.