Seleção russa de basquete pode ficar de fora de Olimpíada no Rio

Jogadores russos comemoram durante Olimpíadas de Londres; país pode ficar de fora dos próximos Jogos, em 2016

Jogadores russos comemoram durante Olimpíadas de Londres; país pode ficar de fora dos próximos Jogos, em 2016

Getty Images
Polêmica envolvendo Federação Russa de Basquetebol culminou em exclusão de equipes de todos os torneios internacionais. Ministro dos Esportes russo, Vitáli Mutko, anunciou que irá contestar suspensão no Tribunal Arbitral do Esporte, na Suíça.

O escritório da Federação Russa de Basquetebol (FRB) recebeu uma carta de notificação da Federação Internacional de Basquetebol (Fiba) suspendendo todas as equipes de basquetebol da Rússia de participar de torneios internacionais.

A decisão da Fiba foi tomada após anos de instabilidade e escândalos na RBF, que resultaram em uma decisão judicial, em junho, obrigando a federação russa a realizar novas eleições presidenciais.

“Com isso, a participação do país no Campeonato da Europa, em setembro, e a Olimpíada de 2016, no Rio, está sob real ameaça real”, disse o presidente honorário da federação russa, Serguêi Tchernov, à agência Tass.

“Precisamos pensar juntos em como encontrar uma maneira de sair dessa situação. Isso inclui a Federação Russa de Basquetebol, o Ministério dos Esportes e o Comitê Olímpico Russo. Todos precisam pensar nisso”, acrescentou Tchernov.

O ministro dos Esportes russo, Vitáli Mutko, disse estar preparado para contestar a suspensão no Tribunal Arbitral do Esporte.

“Eu irei pessoalmente ao Tribunal Arbitral do Esporte, em Lausanne, me encontrar com eles [Fiba] e cuidar da situação. Não se pode lidar com a Rússia dessa forma”, disse Mutko à Tass.

O secretário-geral da FRB, Andrêi Arkhanguelski, tem esperança de que a organização consiga reverter a suspensão na próxima reunião da Fiba, que acontecerá em Tóquio nos dias 8 e 9 de agosto.

A seleção brasileira feminina de basquete na categoria sub-18 deveria participar de competições pelo Campeonato Europeu nesta quinta-feira (30), na Eslovênia.

Polêmica

Iúlia Anikeieva foi eleita presidente da Federação Russa de Basquetebol (FRB) em agosto 2013. Mais tarde, o resultado da votação foi contestado, e um tribunal russo ordenou que a federação realizasse novas eleições.

No início deste mês, a Fiba já havia enviado uma notificação a FRB, destacando que a interferência no funcionamento da federação deveria ser submetida a avaliação da federação internacional.

“Vivemos sob as leis da Rússia. Se um tribunal toma uma decisão, precisamos aplicá-la. Eu não consigo entender qual é o problema”, justificou Mutko.

O ex-jogador da NBA Andrêi Kirilenko figura como candidato das novas eleições para a presidência da FRB, que acontecerão em 25 de agosto.

Com material das agências de notícia Tass e Interfax, e do jornal The Moscow Times

 

Confira outros destaques da Gazeta Russa na nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados por Rossiyskaya Gazeta.